Cirurgia Plastica
image
image
image

Redução de MamaRedução de Mama
(Mamoplastia redutora, redução de mamas, tratamento da gigantomastia, tratamento cirurgico da hipertrofia mamária, mastoplastia.)








Descrição:
A redução de mamas pode ser realizada em qualquer idade, mas os cirurgiões plásticos normalmente recomendam esperar até que o desenvolvimento dos seios esteja termindo. Parto e amamentação pode ter efeitos imprevisíveis e significativas no tamanho e forma dos seus seios. No entanto, muitas mulheres decidem submeter-se a redução do peito antes de terem filhos e resolver eventuais alterações posteriores com uma nova cirurgia. Se você pretende amamentar no futuro, você deve discutir este assunto com seu cirurgião plástico.

Durante a consulta, você será questionado sobre o tamanho desejado para suas mamas, bem como qualquer outra coisa que você gostaria de ver melhorada. Isso ajudará o seu cirurgião plástico para entender suas expectativas e determinar se suas expectativas podem realmente ser alcançadas.


Tecnicas cirurgicas:
Fatores individuais e preferências pessoais vão determinar a técnica específica para reduzir o tamanho de seus seios.

O método mais comum de redução das mamas envolve três incisões. Uma incisão é feita ao redor da aréola. Outra corre verticalmente a partir da borda inferior da aréola para o sulco sub mamário. A terceira incisão segue a curva natural do sulco da mama.

Após remover o tecido mamário em excesso, gordura e pele, o mamilo e a aréola são deslocados para uma posição superior. A aréola, quando necessário também é reduzida de tamanho. A pele que originalmente estava localizada acima do mamilo é trazida para baixo para remodelar o peito. Uma lipoaspiração pode ser usada para melhorar o contorno da porção lateral da mama.

A técnica habitual de redução de mamas, remove o excesso de tecido mamário, gordura e pele através das incisões citadas. O mamilo e a aréola continuam ligados ao tecido subjacente, mas são deslocados para uma posição superior. O tamanho da aréola é muitas vezes reduzida ao mesmo tempo. Como o mamilo e auréola permanecem ligados aos tecidos subjacentes, a sensibilidade é preservada. A capacidade de amamentar também é preservada por este método.

Há muitas variações para o design das incisões para a redução da mama. O tamanho e a forma dos seus seios, bem como a quantidade desejada de redução, são fatores que vão ajudar o seu cirurgião plástico determinar a melhor técnica para você.

Em alguns casos, é possível evitar a incisão vertical que se estende desde a borda inferior da aréola ou da incisão horizontal no sulco da mama.

Raramente, quando as mamas são muito grandes, os mamilos e as aréolas podem ser completamente desconectadas antes de serem transferidos para um nível superior. Nesses casos, você precisará ter decidido de sacrificar a sensibilidade e a possibilidade de amamentar a fim de atingir o tamanho desejado da mama.


Duração:
Essa cirurgia demora de 2 a 4 horas e é realizada sob anestesia geral ou bloqueio peridural.


Efeitos colaterais:
Após a redução, por vezes, os seios podem apresentarem-se assimétricos ou a altura entre os mamilos pode variar ligeiramente. Se desejar, pequenos ajustes podem ser feitos em um momento posterior. Perda permanente da sensibilidade nos mamilos ou mamas pode ocorrer raramente. Retoques após a cirurgia às vezes são úteis em certos casos onde as cicatrizes são inestéticas. No improvável caso de lesão ou perda do mamilo e aréola, geralmente podem ser satisfatoriamente reconstruída com enxerto de pele.

Você pode ajudar a reduzir os riscos certos, seguindo os conselhos e as instruções de seu cirurgião plástico, antes e após a cirurgia.


Recuperação e cuidados pós operatórios:
Após a cirurgia de redução das mamas, é possível retornar ao trabalho dentro de apenas três semanas, dependendo do seu trabalho. Em muitos casos, pode retomar a maioria de suas atividades normais, inclusive algum tipo de exercício leve, depois de quatro semanas. Você pode continuar a sentir algum desconforto, leve e periódico durante este tempo, mas esses sentimentos são normais. Dor intensa deve ser relatado ao seu médico.

Qualquer atividade sexual deve ser evitada por um período mínimo de uma semana, e seu cirurgião plástico poderá aconselhá-lo a esperar mais tempo. Depois disso, o cuidado deve ser tomado para ser extremamente gentil com seus seios, pelo menos, as próximas seis semanas.


Riscos:
Felizmente, as complicações significativas de redução de mama não são freqüentes. Todos os anos, milhares de mulheres se submetem à cirurgia de redução de mamas com sucesso. Qualquer um que considere a cirurgia, entretanto, deve estar ciente de ambos os benefícios e os riscos.

Algumas das complicações potenciais que podem ser discutidos entre você e seu médico devem incluir sangramento, infecção e reações à anestesia e necessidade de retoques cirúrgicos pós operatórios.


Resultados:
A cirurgia de redução de mamas deixará seus seios pequenos e firmes. Sem o peso excessivo dos seios grandes, você pode encontrar mais prazer em praticar esportes e na prática de atividade física.

As incisões de sua cirurgia de redução de mama vão curar e esmaecer ao longo do tempo. É importante saber, entretanto, que as linhas de incisão serão sempre visíveis, mais em alguns indivíduos do que outros. Felizmente, as incisões para a redução de mama estão em locais escondidos pela roupa.

A redução da mama, muitas vezes traz uma mudança dramática em sua aparência. Por esta razão, pode demorar algum tempo para se adaptar à sua nova imagem corporal. A maioria das mulheres, no entanto, sentem-se confortáveis com seus seios menores. De fato, o nível de satisfação do paciente resultante de redução de mama está entre os maiores de qualquer procedimento de cirurgia plástica.




image


image
Mamoplastia redutora
Gostaria de obter informações sobre o valor desta cirurgia:
Nome:

Telefone:

Email:

     
image
Clique aqui para ampliar o mapa

Clínica DFL
A Clínica DFL encontra-se localizada na mais famosa avenida da cidade de São Paulo. O mais importante polo financeiro e de serviços da América Latina. Fale Conosco...


Cabe ao médico
Cabe ao médico, após os procedimentos de diagnóstico a indicação terapêutica, estabelecer o valor e modo de cobrança de seus honorários, observando o contido no Código de Ética Médica, referente a remuneração profissional.” - Art. 3, da Resolução do CFM número 1.836/2008.


image